Alunas formadas nos cursos de confeitaria do Fundo Social dão exemplo de dedicação e sucesso

30/11/2021

O Fundo Social de Caraguatatuba realizou diversos cursos de qualificação profissional este ano e proporcionou para muitas pessoas a oportunidade de ingressar em novas áreas, garantir uma geração de renda ou até mudar de profissão.

Bolo retangular de chocolate com morangos em cima (Foto: Divulgação /PMC)

Na área de confeitaria, os cursos de bolos confeitados, produtos de confeitaria para cafeterias e doces finos para festas e casamentos tem diversos exemplos de dedicação e sucesso.

Como é o caso da Clarice de Souza, 51 anos, moradora do bairro Perequê-Mirim. Aluna formada no curso de bolos confeitados, ela conta que sempre trabalhou com limpeza, mas por hobby, produzia bolos para os amigos, sem compromisso. Foi quando sofreu um acidente e não pode mais fazer esforço com a perna. A mudança de vida ocorreu há um ano.

“Ingressei no curso de confeitaria, sem muito conhecimento técnico e aprendi muita coisa que antes eu fazia errado. Também consegui melhorar minhas encomendas, acrescentei o bolo de andares e pude expandir minha clientela. Atualmente, já tenho várias encomendas, mas ainda tenho muito a crescer. Com certeza buscarei mais especializações na área”, conta Clarice que também faz bolos salgados e docinhos.

Três bolos de pote em cima da mesa (Foto: Divulgação /PMC)

Formada no curso de produtos de confeitaria para cafeterias, Maria Jussara Armelin, 40, do bairro Massaguaçu, é mãe de três filhos. Ela acredita que a capacitação foi mais que uma coincidência, era seu destino. Formada em Turismo, ela estava desempregada e mudou totalmente de ramo. Começou a fazer cursos online na área de confeitaria e vender doces para ter uma renda provisória, quando viu a matéria do curso do Senai e essa foi sua grande oportunidade.

“Graças a Deus me formei, adquiri mais conhecimento e agora já estou fazendo meu material visual com placas e etiquetas. Continuo estudando muito porque é necessário buscar por inovações. Agora é pedir a Deus para me abençoar cada vez mais e que eu tenha mais sucesso”.

Jussara produz bolos de pote, biscoitos e alfajores. Na semana, vende de 10 a 15 produtos e sua pretensão é fazer tortas de frango, comidas congeladas, entre outros, além de saladas de frutas e sucos naturais. “Até janeiro eu quero e vou conseguir expandir meu negócio. Só agradecer!”, diz.

Vários brigadeiros de chocolate e branco dentro de caixinha (Foto: Divulgação /PMC)

Outro exemplo de sucesso é a Vitória Regina Soares, 28 anos, do Indaiá, formada em doces finos para festas. Sua família já tem histórico de boas cozinheiras e confeiteiras e sempre fez doces para festas familiares, mas nunca se imaginou gerando renda com isso. “Com o curso, eu me apaixonei nos detalhes da criação dos doces, hoje posso dizer que encontrei algo que eu goste de verdade e tenho paixão. No início achei que não daria certo, mas, conforme aprendi durante as aulas, com os produtos certos e uma boa apresentação, a venda é garantida. Sou muito grata pela oportunidade”, afirma.

Vitória ainda relata que toda semana tem encomendas. Ela vende caixinhas de docinhos com 10 unidades nos sabores beijinho, brigadeiro, capim limão, cream cheese com goiabada, paçoca, Kit Kat e beijinho do amor.

Também na mesma área de doces finos, Viviane Aparecida Siqueira, 41, do bairro Poiares, é um fenômeno. São aproximadamente 150 doces vendidos por semana. Ela, que é manicure, viu a oportunidade de acrescentar e aumentar sua fonte de renda. Então, quando vai às casas das clientes, também já faz a venda dos doces.

“Estou muito feliz porque, quando a gente quer, a gente consegue e eu vi a oportunidade bater na minha porta e conquistei. Minhas vendas complementam meu mês e sou muito grata a todos envolvidos neste projeto”, destaca.

Viviane vende brigadeiro tradicional e branco, casadinho, meio amargo, bicho de pé, cajuzinho de chocolate, churros, coco, doce de leite com coco queimado, entre outros.

O Fundo Social de Caraguatatuba realizou neste ano, 21 cursos em parceria com o Senai e Sebrae para aproximadamente 450 pessoas nas mais diversas áreas. Para o próximo ano, mais qualificações serão geradas. Importante que a população fique atenta aos canais de divulgação e aproveite as oportunidades.

Se alguém tiver interesse nos produtos, entrar em contato com o Fundo Social pelo telefone 3897-5656.

+23
°
C
H: +23°
L: +20°
Ilhabela
Quinta-Feira, 22 Abril
Ver Previsão de 7 Dias
SexSábDomSegTerQua
+24°+24°+24°+23°+24°+23°
+19°+18°+19°+20°+20°+21°

Deixe um comentário

Ilhabela
20/05/2022
Voltado às famílias caiçaras de baixa renda, a Prefeitura de Ilhabela ...
Ilhabela
20/05/2022
A Prefeitura de Ilhabela torna público o edital 075/2022, de Chamamento ...
Ilhabela
20/05/2022
A Prefeitura de Ilhabela nesta sexta-feira (20), informa que as equipes da ...